Não se perca ao entrar...

Aqui contém cenas explícitas de minha nudez ao avesso, para melhor visualização feche seus olhos. (Mary Backes)

sábado, 26 de maio de 2012

Fazes-me falta


Desfiar tua ausência, pois me aflige
tecer sozinha este enternecimento,
e meu corpo é bordado pensamento
de juntar teu desejo ao meu desejo (...)

Musicar tua ausência, que meu sonho
 — em cada gesto que se prenuncia
compõe nas veias pautas de agonia,
acordes dissonantes em meu corpo.

(Yeda Prates Bernis)

Um comentário:

Rafael disse...

Somos cheios de incertezas... mas alguma coisa marca-nos... as ausências! Esses espaços vazios que tanto lugar perfazem nos corações desavisados!

Como sempre...magníficas palavras!